Prefeitura promove ação educativa sobre tuberculose e tabagismo em Heliópolis

  A prefeitura de Belford Roxo, através da Secretaria Municipal de Saúde (Semus), realizou, na Escola Municipal Heliópolis, mais uma ação educativa pela prevenção a doenças junto aos estudantes da rede municipal. 

Organizada em parceria com a Secretaria Municipal de Educação (Semed), a atividade teve como público-alvo alunos do ensino fundamental que assistiram às palestras sobre a tuberculose e combate ao tabagismo. “É um trabalho relevante para a saúde da população. Quanto mais informações, menos doenças graves, especialmente entre os mais jovens”, afirmou o secretário municipal de Saúde, Christian Vieira.

            Em sua palestra, a coordenadora do Programa Municipal de Controle do Tabagismo (PMCT/Cvse/Semus), Maria Verônica Leite, explicou aos estudantes que o tabagismo é uma doença considerada grave e que atinge, direta e indiretamente, crianças e adolescentes. “O cigarro tem 4,7 mil substâncias e é uma delas, a nicotina, que causa a dependência. Essa dependência muitas vezes provoca doenças graves que afetam principalmente pulmões, coração”, esclareceu Maria Verônica.

Núcleos de apoio

            Já a coordenadora do programa de Tuberculose, Jussara Santiago, pontuou as formas de contágio, os sintomas e as atitudes que ajudam a prevenir a doença. “Tosse persistente por mais de três é um indicador de que os pulmões precisam da atenção de um profissional de saúde”, apontou. “É primordial que, uma vez em tratamento, que o paciente não o abandone”, completou Jussara Santiago.

            O PMCT e o Programa de Controle da Tuberculose são dois programas da Cvse/Semus de atendimento especializado na rede municipal de Saúde. O PMCT, por exemplo, mantém hoje 12 núcleos de apoio e tratamento do tabagismo. “Estamos capacitando equipes para a implantação de mais dois núcleos até o final de dezembro. Nunca é demais lembrar que o tabagismo é uma doença e que exige um acompanhamento especializado”, anunciou Maria Verônica.

Diretora enfatiza a importância das ações educativas em saúde 

            A diretora da Escola Municipal Heliópolis, Janete Moreira Furtado, lembrou que muitos estudantes são fumantes passivos e que, através da conscientização, se espera que uma postura antitabagista ganhe cada vez mais espaço na população. “Ainda vivemos numa sociedade que vê o cigarro com glamour; como algo charmoso. Alguns dos nossos alunos têm familiares que fumam e, por isso, essas informações são tão importantes, não só para evitar o cigarro, mas que eles levem esse aprendizado para seus parentes e amigos”, disse a diretora.

Redação: Jornalismo A Voz do Povo.

Direção: Jornalista Marcio Carvalho.

Deixe seu comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Publicidade