Prefeitura promove mutirão de vacinação na Vila São Luís e Xavantes

 A Prefeitura de Belford Roxo, através da Secretaria Municipal de Saúde (Semus) realizou o primeiro Mutirão de Vacinação de 2024, com o objetivo de ampliar a imunização da população e atualizar os cartões de vacina. 

O programa mobilizou equipes da Coordenadoria de Vigilância em Saúde Epidemiológica (Cvse/Semus) nos pontos de imunização instalados em Heliópolis, na Igreja Assembleia de Deus em Vila São Luís (Rua São Luís, nº 13); e na Assembleia de Deus do Xavantes (Rua Boiobi, nº 2). "Começamos 2024 com mais esse trabalho importante que garante saúde e a qualidade de vida para população", declarou o secretário Municipal de Saúde, Christian Vieira.

Os pontos de imunização ficaram abertos das 9h às 13h e, para receber a dose da vacina, bastava apresentar o cartão de vacinação. Cartão do SUS ou CPF. A enfermeira Aparecida Fátima Vilela, que participou do Mutirão em Heliópolis, lembrou a importância de se manter o cartão de vacinação em dia. "O cartão de vacinação facilita na hora da equipe determinar quais doses serão aplicadas no momento e recomendar quais os prazos para outras doses. Isso garante a eficácia das vacinas na proteção de todos", comentou a enfermeira.

As autoridades de saúde ainda registram uma baixa adesão da população às campanhas de vacinação pelo País. Para buscar uma melhoria nos índices, a Cvse/Semus anunciou que continuará com os mutirões de vacinação nos finais de semana, em todos bairros, durante todo o ano de 2024. "Os mutirões têm levado as vacinas para mais perto da população. Mas o trabalho continua também em todas as nossas unidades. Por isso, reforçamos a importância da adesão dos munícipes a todas as campanhas o ano inteiro", ratificou o coordenador da Cvse/Semus, Rafael Felisberto.

Ladrilheiro leva filhas

A população vem aproveitando os Mutirões de Vacinação de Belford Roxo. Através de parcerias com instituições locais, a Prefeitura tem disponibilizado, nos finais de semana, todas as vacinas  relacionadas no Programa Nacional de Imunizações (PNI), inclusive a Bivalente contra a Covid-19 e contra gripe (Influenza).

O ladrilheiro Rui Rodrigues, 52 anos, morador de Heliópolis, aproveitou e levou as filhas Júlia, 10, e Gabrielle, 15, para atualizar a caderneta de vacinação no ponto do Mutirão instalado no bairro. "É importantíssimo tomar a vacina e trazer os filhos, ainda mais aqui pertinho de casa", disse Rui. "Nada é melhor que ver os filhos crescerem saudáveis", completou.

Rui comentou que a imunização é que está viabilizando o presente de 15 anos da filha Gabriele Rodrigues. "Ela pediu uma viagem no lugar da festa. Ficou mais parado, com certeza, mas, para viajar, precisamos atualizar a caderneta dela", lembrou ele. Após receber os parabéns da equipe pela vacinação em dia, a equipe da Semus recomendou, para a viagem, apenas a atualização da vacina Antitetânica e para mais próximo da viagem.

Já a filha mais nova, Júlia Rodrigues, 10 anos, recebeu a vacina anti HPV, recomendada para meninos e meninas a partir dos 9 anos.  "Os Mutirões estão programados para todos os finais de semana deste mês de Janeiro e com um planejamento adiantado para 2024", informou o coordenador Vigilância em Saúde Epidemiológica (Cvse/Semus) Rafael Felisberto. As vacinas são eficazes na prevenção de doenças e só devem ser adiadas caso a pessoa apresente sintomas gripais (tosse  persistente, espirros, febre, dor de garganta, etc).

 Promoções Exclusivas:

Garrafas clique abaixo:

   Suplementos   Ferramentas promoção 

Carregador e caixa de som  Celulares baratos  

Mochila de bebê  Câmera de Bocal 

Publicidade:

Clique aqui e conheçam nosso Instagram 

PATROCINADORES E PARCEIROS:


Redação: Jornalismo A Voz do Povo.

Direção: Jornalista Marcio Carvalho. 

Deixe seu comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Publicidade